Infantil2018-09-05T07:30:48+00:00

Infantil | 6 aos 12 anos

Não há nada melhor que experimentar!

Enquanto as crianças dos 4 aos 12 anos, aguardam pelo início da aula, ocorre uma algazarra e excitação. Mas basta o mestre Carlos Dias bater duas palmas e rapidamente as conversas, as risadas e as correrias terminam no Pavilhão da Escola Mem Ramires, em Santarém e, de repente… silêncio.

Alinhadinhos ficam a ouvir as primeiras palavras da aula do mestre ou Sensei, como se diz em japonês. O karaté nasceu na ilha de Okinawa, no Japão, por isso as palavras utilizadas nas aulas são nesta língua. Mas não te preocupes: os professores explicam tudo em português!

Karaté significa «mãos vazias», isto porque um karateca (ou seja, quem pratica este desporto) não utiliza armas, só o seu próprio corpo e a sua inteligência.

A um sinal do Sensei, os alunos preparam-se para a saudação inicial, desde o mais avançado (à direita) ao principiante (à esquerda), as diferenças apercebem-se pelas diversas cores do cinto, começando do mais claro para o mais escuro.

João Afonso, 6 anos, cinto branco é o último da linha “Estou adorar treinar karate, as aulas são muito divertidas”, Álvaro Silva, 8 anos, cinto laranja “Eu não falto a uma aula, porque cada vez mais sinto-me confiante de mim mesmo. E quero ser como o mestre!”

O Sensei dá início ao treino, começando sempre com o aquecimento adequado às idades da turma, e com um pouco de risada pelo meio. A criançada diverte-se utilizando exercícios multidisciplinares para o desenvolvimento da psicomotricidade. Bem quentinhos, e de volta ao silencio, o treino segue para a área técnica de Kata e Kumite. Kata é um conjunto de técnicas de defesa e ataque, que em sequência, demonstra um combate com um ou vários adversários imaginários. Enquanto que o Kumite já se enfrenta um adversário real!

só 10 vagas disponíveis por turma.

“Eu gosto mais de Kumite. Desafiar os meus colegas na velocidade, quem toca mais e mais rápido”, afirma Paulo Coelho, de 11 anos, no karate desde dos 6 anos. “A minha mãe queria Karate e eu Futebol, fizemos um acordo, inscrevi-me nos dois, e hoje só faço Karate. O ambiente é muito bom, e os mestres são “fixes”, bem como todos os meus colegas. O karate ajudou-me a ganhar mais concentração e respeito.”, diz Joaquim Santos, 12 anos, praticante desde os 5 anos.

A idade certa para começar é, precisamente, a partir dos 4 aos 6 anos e não é preciso ter nenhuma característica especial. “Só vontade de experimentar “, diz Cláudia Silva, 8 anos.

A rapariga mais espevita para Kumite, começou a treinar com 5 anos.

Afinal o que é o Karate? “Uma arte marcial de defesa pessoal que desenvolve tanto os aspetos, técnicos, físicos como psicológicos, voltada para o desenvolvimento pessoal e para o cultivo de uma vida saudável. Baseia-se em 8 princípios importante:

  • Atitude, vontade de aprender;
  • Sinceridade, sermos verdadeiros com aprendizagem;
  • Disciplina, cumprir com as regras e não faltar as aulas (muito importante, com um pequeno sorriso);
  • Esforço, muita dedicação e empenho na aula (sais bem transpirado…);
  • Concentração, prestar a máxima atenção aos ensinamentos e reflexões;
  • Lealdade, isto é, respeito pelos outros e por ti;
  • Controlo, saber tocar e não abusar dos conhecimentos adquiridos;
  • Companheirismos, procurar conhecer-me e conhecer os meus amigos.”

Afirmando o Sensei Carlos Dias com meio século de ensinamentos

No final da aula, voltando ao alinhamento e cumprindo com a saudação final, passa sempre pelo abraço forte ao mestre.

Ficou curioso!

Então considere em praticar karate connosco, nós estamos a receber novas inscrições todos os dias, e como não há nada melhor que experimentar temos este miminho:

Mês de setembro grátis*

Faça-nos uma visita o quanto antes, convide os seus amigos e familiares.

Será sempre bem-vindo.

*para novas inscrições.

Inscreve-te já | pelo google forms

Pré-inscrição aqui:

Nome do candidato:
Codigo Postal:
Apelido do candidato:
Email:
Classes de Karate: